Ele já estava abusar!

Um casalinho de namorados estava num banco de jardim, beijo daqui beijo dali, apalpadelas, beliscões. Até que ele lhe pergunta se pode meter o dedinho na coisinha dela. Ela faz-se muito esquisita e depois de muita insistência ela lá concorda:
– Mas com cuidado que sabes muito bem que eu quero casar virgem.

– Está bem, vais ver como tu até gostas !

Passado um bocado ela lá consegue disfarçar e fazer uma cara de zangada :
– Zé, pára que me estás a magoar com o anel !

– Mas querida, não é o anel que eu tirei-o… Só se for o relógio!