Skip to main content

A empregada, a chorar, pegou na mala

A empregada, a chorar, pegou na sua mala e despediu-se da patroa, quando esta lhe perguntou:
– Para onde vais?

– Para a minha terra, para morrer junto dos meus.

– Mas, o que se passa, porque é que dizes isso? – perguntou a patroa.

– Senhora, você mesma me diz que o seu marido é um excelente médico e que nunca se engana a diagnosticar….

– Sim, é verdade, ele nunca se engana a diagnosticar….

Mas, o que é que isso tem a ver com a tua saída de casa?
– Precisamente por essa razão.

Esta manhã ele apertou-me as nádegas e diagnosticou:
“Desta noite não passas”